Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Fundação Nadir Afonso

NADIR AFONSO - laurafonso@sapo.pt

Fundação Nadir Afonso

NADIR AFONSO - laurafonso@sapo.pt

30
Jun20

O tempo não existe

Laura Afonso

Em 2000 Nadir Afonso publica Universo e o Pensamento onde defende que "o tempo não existe" e questiona Einstein. Em 2010 a revista La Recherche faz capa com o titulo Le temps n'existe pas. Independentemente do que cada um dos autores defenda, Nadir Afonso está na vanguarda. 

Capa  Universo e Pensamento.jpg

IMG_0022 (1).jpg

 

06
Abr20

Qualidades da obra de arte

Laura Afonso

Tal como o arquiteto que busca a forma capaz de satisfazer simultaneamente o nosso sentido da proporção e da função arquitetónicas, apercebemo-nos dos desacordos que, por trás da unidade aparente, opõem estes dois tipos de atributos: proporção e função. Mas foram-nos necessários longos trabalhos antes de chegarmos a definir qualitativamente a sua diferença, antes de distinguir aquilo a que chamamos hoje a qualidade de harmonia e a qualidade de perfeição e que tentaremos definir em seguida.

Se não estabelecermos à partida essa diferença qualitativa primordial, os nossos juízos deixar-se-ão contaminar rapidamente - segundo o processo crítico corrente - pela emoção que a obra nos transmite; ora, o facto de eu me sentir emocionado perante este computador ou aquele retrato da minha mãe não significa que eu esteja perante uma obra de arte; e se eu assim o pensar; é porque confundo a forma que exprime a função ou a evocação com a forma que exprime a proporção. Ao designar como obra de arte qualquer objeto de produção ou de investigação, a estética corre o risco de perder-se, arrastada pela vaga do subjetivismo e do ceticismo.

Nadir Afonso, O sentido da Arte.

Portimão01 (1024x723).jpg

Portimão de Nadir Afonso

28
Mar20

Procura da felicidade.

Laura Afonso

««Ora, nem a felicidade, nem o seu contínuo estado de emoções são concebíveis; jamais semelhante continuidade é realizável. Todos nós, quem quer que sejamos, vivemos numa permanente oscilação de sentimentos em que a diferença entre emoções dependente da relação entre elas. A emoção produz-se mediante uma mudança de situações: somos felizes quando deixamos de receber o fluxo de emoções desagradáveis e somos infelizes no momento contrário. Quer dizer: não há felicidade sem o seu oposto infelicidade: as emoções são relativas. Há sim um mito de ilusão permanente em que a espécie humana caiu: a procura da felicidade.»
Nadir Afonso. Manifesto,o tempo não existe.

Curitiba, Pintura de Nadir Afonso.

curitiba.jpeg

 

Sobre mim

foto do autor

Pesquisar

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

Links

Autobiografia_Nadir Afonso

Blogs

Sites Nadir Afonso

Links

blog.com.pt

Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2008
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2007
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D