Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Fundação Nadir Afonso

NADIR AFONSO - laurafonso@sapo.pt

Fundação Nadir Afonso

NADIR AFONSO - laurafonso@sapo.pt

23
Fev20

A demolição da Panificadora de Vila Real, projeto de Nadir Afonso

Laura Afonso

O que se passou com a Panificadora de Vila Real, projecto de Nadir Afonso é uma situação francamente deplorável 1 - Fazendo uma breve análise da documentação conclui-se que foi iniciado o procedimento de classificação em 11 de abril de 2017. 2 - A circunstância de a Panificadora se encontrar em vias de classificação impedia, seguramente, a demolição ou qualquer intervenção nos termos do Decreto-Lei n.º 309/2009, de 23 de outubro, da Lei de Bases do Património Cultural e do Regime Jurídico da Urbanização e Edificação. 3 - De acordo com estes diplomas estavam suspensas todas as licenças e autorizações urbanísticas (incluindo, naturalmente, a demolição) enquanto se mantivesse o procedimento de classificação e não fosse suscitada a caducidade. 4 - O que se afigura verdadeiramente extraordinário foi a forma como foi arquivado o procedimento de classificação em 11 de abril de 2018 (Anúncio n.º 42/2018). 5 - A leitura do parecer de 17 de janeiro de 2018 da Secção do Património Arquitetónico e Arqueológico do Conselho Nacional de Cultura é “arrepiante”: lamentam muito, mas como o imóvel se degradou e foi objeto de atos de vandalismo não podem propor a classificação. 6 - Os Ilustres Conselheiros da Cultura, ignoraram o artigo 49.º da Lei de Bases do Património Cultural que se destina justamente a evitar este tipo de situações. Para afastarem a “má consciência” refugiam-se na situação geral do património cultural e na falta de orientações para a “arquitetura moderna e contemporânea”. 7 - Enfim, lamentam muito mas este parecer é a principal causa da desproteção na medida em que levou ao arquivamento do procedimento. 8 - É para mim evidente que este parecer e o ato de arquivamento da Diretora-Geral do Património Cultural que nele se fundamenta são ilegais. A fundamentação é insuficiente e contraditória, para além de completamente omissa em relação às normas legais que terá aplicado. 9 - Numa palavra, aliou-se a ignorância, o cinismo e a irresponsabilidade. 10 - As sucessivas tentativas, aliás bem fundamentadas, para se reabrir o procedimento não obtiveram resposta. Quer dizer: o Ministério da Cultura ignorou a Assembleia da República, apelos públicos e opinião de conceituados historiadores e arquitetos. 11 - Os sucessivos Ministros da Cultura também não determinaram a reabertura do procedimento. 12 - Por outro lado, a Câmara Municipal “defende-se” com o argumento de que não tem condições financeiras para manter ou recuperar o imóvel, quando isso nunca foi requerido. 13 - Todas as entidades públicas envolvidas fugiram a comprometer-se com a única situação de salvaguarda eficaz: a reabertura do procedimento de classificação. 14 - Neste processo conflui a lamentável inoperância do Ministério da Cultura na defesa de um património industrial relevante, e o desrespeito pelos apelos para que agisse. 15 - A resposta do Gabinete da Secretária de Estado da Cultura a “defender” a memória de Nadir Afonso através da colocação de um painel do Mestre na parede externa do supermercado, só demonstra a má consciência do que poderia ter feito e não fez! É uma “solução” que revela insensibilidade e incultura, para além do pequeno pormenor de ser ilegal: não pode utilizar os direitos de autor ou obrigar o supermercado a cumprir! Trata-se de uma arrogância triste que indicia impreparação e falta de vontade em utilizar os meios que tinha à sua disposição: reabrir o procedimento de classificação, mesmo depois de arquivado. Lamento profundamente o que está a acontecer. Vamos ficar todos mais pobres! Laura Afonso

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Sobre mim

foto do autor

Pesquisar

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

Links

Autobiografia_Nadir Afonso

Blogs

Sites Nadir Afonso

Links

blog.com.pt

Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2008
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2007
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D